Resenha: Laços de Familia

Por Bel Farias (Twitter @Bel_Larie)


Quem usa alguma rede social certamente já leu/postou diversas frases reflexivas e cheias de amor de Clarice Lispector.
No entanto, com esse “boom” da internet e muita necessidade de parecer legal e culto, muitos perfis em “homenagem” a escritores são criados, mas poucos são autênticos.
Muitas, mas muitas das frases com “filosofia de buteco” não são de Clarice, Caio F. etc.
Eu já vi, inclusive, diversas pessoas escrevendo o nome da autora errado. Dá uma certa vergonha alheia, não dá?

Eu conheci e aprendi a gostar de Clarice no primeiro período da gradução em Letras e entre os livros que li, o que mais marcou, além do famoso A Hora da Estrela (Há também um filme sobre esse livro), foi Laços de Família, que são 13 contos centrados, tematicamente, no processo de aprisionamento dos indivíduos através dos “laços de família”, de sua prisão doméstica, de seu cotidiano. Os três mais conhecidos são Amor, Feliz Aniversário e Uma Galinha.
Quem gosta de livros sobre reflexão humana vai gostar desse livro. E, gostando, aproveitem todos os outros livros dessa escritora linda. Todos valem a pena!

Sinopse

Esta obra reúne contos onde as personagens – sejam adultos ou adolescentes – debatem-se nas cadeias de violência que podem emanar do círculo doméstico. Homens ou mulheres, os laços que os unem são, em sua maioria, elos familiares ao mesmo tempo de afeto e de aprisionamento. Clarice Lispector trata a solidão, a morte, a incomunicabilidade e os abismos da existência através da rotina de dona-de-casa, do mergulho em uma festa familiar nos 89 anos da matriarca, da domesticação da natureza tida como mais selvagem das mulheres, ou dos pequenos crimes cometidos contra a consciência, como o drama do professor de Matemática diante do abandono e da morte de um animal.

Ano de Lançamento: 1998
Número de páginas: 136
Faixa etária: a partir de 14 anos.
Autor: LISPECTOR, CLARICE
Editora: ROCCO
Assunto: LITERATURA BRASILEIRA – CONTOS E CRÔNICAS

Anúncios

4 comentários sobre “Resenha: Laços de Familia

  1. Morro de vontade de ler Laços de Família. Li alguns trechos de Clarice, e claro, li A Hora da Estrela e me apaixonei pela narrativa. A impressão que tenho é que tudo dela é bastante “visceral” e isso me fascina.

    bj
    escrevendoloucamente.blogspot.com

  2. Yohanna Elizabeth disse:

    Realmente, hoje o que mais há é “Caio F. Abreu” e “Clarice L.” no facebook, haha. Eu não li nenhum livro completo dela ainda, mas já li um dos contos desse livro, o Feliz Aniversário. É muito bom! Ela era demais, escreve muito bem! Tem uma ótima narrativa.

    Beijos

Obrigado por passar pelo In The Sky.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s