Filme&Livro: A Letra Escarlate


Por Keila (@Keilakk20 Skoob)

 

Ganhei esse livro de uma amiga e como não conhecia resolvi pesquisar um pouco sobre a história que me interessou bastante, agora além de ler o livro também quero assistir ao filme.

Esse livro é um clássico da literatura Americana.


O Livro- A Letra Escarlate – Nathaniel Hawthorne

Na rígida comunidade puritana de Boston do século XVII, a jovem Hester Prynne tem uma relação adúltera que termina com o nascimento de uma criança ilegítima. Desonrada e renegada publicamente, ela é obrigada a levar sempre a letra “A” de adúltera bordada em seu peito. Hester, primeira autêntica heroína da literatura norte-americana, se vale de sua força interior e de sua convicção de espírito para criar a filha sozinha, lidar com a volta do marido e proteger o segredo acerca da identidade de seu amante. Aclamado desde seu lançamento como um clássico, A letra escarlate é um retrato dramático e comovente da submissão e da resistência às normas sociais, da paixão e da fragilidade humanas, e uma das obras-primas da literatura mundial.

Os Filmes: A Letra Escarlate

Isso mesmo pessoal os filmes, existem três filmes sobre a história e segundo fiquei sabendo o melhor de todos é o de 1926, bem antiguinho não é, mais para quem não curte antigos tem uma versão mais recente com a Demi Moore de 1995, ai fica a critério de cada um, o outro é bem antigo também de 1973. Infelizmente só achei o trailer do filme com a Demi Moore, mais já da pra ter uma noção de como se desenvolve a trama.

Sinopse:

Em 1666 em Massachussetts, Bay Colony, uma bela mulher (Demi Moore) casada com um médico (Robert Duvall) chega na localidade na frente do marido, com a incumbência de providenciar um lar para o casal. Mas ela fica apaixonada por um reverendo (Gary Oldman), que tem por ela os mesmos sentimentos. No entanto, eles reprimem tais emoções pelo fato dela ser casada, mas quando ela supõe que seu marido foi morto pelos índios ela se sente livre e acaba ficando grávida do reverendo. Mas, como apesar de ficar presa e socialmente marginalizada ela se recusa a dizer o nome do pai da criança, passa então a portar um “A” de adúltera bordado em cores vermelhas em suas roupas, como símbolo de sua vergonha perante a sociedade local.

Trailer: A Letra Escarlate

Anúncios

7 comentários sobre “Filme&Livro: A Letra Escarlate

  1. Não sabia da história!! Mas que sacanagem!! Ela acha que o marido está morto e mesmo assim tem que carregar a fama de adúltera? Duvido que se fosse o contrário aconteceria isso com o marido, né? Se bobeasse ele seria autorizado a ficar com as duas mulheres!! hehe… Desculpe, mas eu senti uma pequena revolta agora!!! rs…

    Mas enfim, tanto o livro quanto o filme devem ser muito bons, apesar do meu ódio momentâneo… Aliás, não é pra isso que servem as histórias? Pra provocar reações nas pessoas? 🙂

    Ju

Obrigado por passar pelo In The Sky.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s