Panorama – Sara Bareilles.

Bom dia queridos tudo bem?
Antes do post, quero apresentar a vocês o nosso colunista de músicas do In The Sky. Depois de tempo recebi um e-mail do Michael, além dele ser super atencioso, tem um Blog chamado Estante de Cima, que vale muito a pena vocês visitarem.
Seja bem vindo ao In The Sky. Sinta-se a vontade!
Vocês podem ter acesso aos contatos dele na Página da Equipe.
______________________________________________________________________________________________

Por Michael (@MichaelBaleeiro/ Estante de Cima)

Trilha sonora de comédia romântica. Esse é o melhor modo de descrever os meus pensamentos quando escuto a maioria das músicas da Sara Bareilles. O primeiro contato que tive com a cantora foi pela trilha sonora do filme O melhor amigo da noiva. O primeiro Single da cantora, Love Song, é uma das primeiras músicas tocadas no longa, junto com os créditos iniciais. A música teve uma boa repercussão no Brasil pelos canais musicais. Lembro-me de ter visto várias vezes o clipe de Love Song pela TV. Infelizmente, não alcançou um público suficiente para deixar a cantora conhecida entre o público brasileiro. Um dia, enquanto passeava pela internet sem um objetivo específico, me lembrei do nome Love Song e comecei a pesquisar coisas sobre a cantora. Dês de então, minha admiração por ela vêm crescendo cada vez mais.

Sara Bareilles teve seu primeiro CD, Little Voice, lançado em 2007. Após abrir o show de artistas conhecidos como, por exemplo, o Mika, não foi difícil a cantora ganhar um grande reconhecimento. Love Song conseguiu a 5º posição na Billboard Hot 100. O mesmo CD rendeu três singles para a carreira da cantora; Love Song, Bottle It Up e Gravity. O CD é incrível! O ritmo suave, a doce, porém forte voz de Sara e a sinceridade nas composições próprias me conquistaram. Minhas indicações de músicas para esse CD seriam Love Song, Vegas, Between The Lines, City e Many The Miles. Além de compositora e cantora, Bareilles também é instrumentista. Grade parte dos arranjos musicais do disco envolvem Piano, que é tocado pela própria cantora. Hoje em dia vários artistas, principalmente mulheres, aparecem tocando simples notas no piano. Sara Bareilles prova que quando senta para tocar Piano realmente sabe o que está fazendo. Prova disso é o disco Between the Lines: Sara Bareilles Live at the Fillmore, primeiro álbum ao vivo da cantora.

Enquanto escutava o disco ao vivo tive vontade de abraçar a cantora e agradecer muito por ter feito o seu trabalho. Sara não decepciona seus ouvintes em suas apresentações ao vivo. O show é praticamente todo apresentado com a cantora sentada ao piano, mostrando assim sua grande habilidade como instrumentista. O show foi feito em São Francisco em 2008. Fiquei impressionado pela forma da qual Sara mostra ser fiel as gravações de estúdio. Um dos meus maiores prazeres é ver um artista arrasando no estúdio e mais ainda no palco. Talento transborda pela cantora por toda a apresentação. O ouvinte realmente percebe a felicidade da cantora ao fazer o seu trabalho e isso eu acredito ser o mais importante na carreira de um artista.

Não demorou muito e em 2010 a cantora lança Kaleidoscope Heart, seu terceiro álbum. Tenho que dizer, existem músicas nesse álbum que gosto mais do que em Little Voice, mas no conjunto da obra, o álbum de 2007 não foi superado. Ainda acho Little Voice o melhor trabalho da cantora, embora Kaleidoscope Heart não tenha me decepcionado. Músicas como Uncharted, Basket Case e Let The Rain fazem parte dos meus dias. Este foi o último álbum dela que escutei. A primeira impressão não foi muito boa. Com o passar dos dias fui dando outras chances até achar coisas bem legais nele. Aos poucos ele está ganhando comigo muitos pontos.

Minha admiração pela cantora não para de crescer. Recomendo muito. Música é incrível. Música boa é mais incrível ainda. Minha felicidade enquanto escrevo essa resenha sobre os discos de Sara Bareilles é gigante. Sara Bareilles com a sua música me deixou muito feliz. Ouçam, sintam, curtam…

♫ “How far do I have to go to get to you. Many the miles. But send me the miles and I’ll be happy to follow you Love” (Many The Miles)

 

 

 

 

 

Vegas:

Hold My Heart

Many The Miles

Uncharted

Anúncios

Um comentário sobre “Panorama – Sara Bareilles.

  1. Meu caro Amigo Michael.

    O trabalho que você está começando, ao conseguir essa vaga como colunista, concerteza vai ser de muito sucesso.

    Ao ler esse seu texto sobre a Sara Bareilles, fiquei imediatamente encantado com ela.

    Além de ser bonita, ao ver e ouvir os Vídeos dela virei fã. Muito Obrigado por esse trabalho, adorei.

    Atenciosamente seu amigo Robson Ribeiro dos Santos.

Obrigado por passar pelo In The Sky.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s