Smurfs – Tudo Azul

Smurfs, em agosto no cinema, são alvo de críticas

Oi meus amores, hoje trouxe uma nota bem legal para vocês.
Quem já passou dos vinte e tantos anos certamente lembra-se do desenho animado dos anos 80. Uma história em quadrinhos belga.


  O grupo de gnomos azuis foi criado em 1958 por Pierre Culliford, o Peyo (1928 – 1992). Para acompanhar o lançamento do filme, houve a publicação de um álbum póstumo, A Árvore de Ouro, levada a cabo por Thierry Culliford, filho do artista, e uma exposição em Paris, em homenagem ao autor, que vai até 30 de agosto, no Hôtel Marcel-Dassault.

Via Jornal de Santa Catarina.

O longa é em 3D,modinha entre tantos filmes lançados pelo Mundo a fora, olhando para bilheterias mais gordas, é claro.

Na trama, os personagens vão a Nova York e se perdem entre gente de carne e osso.
Há piadas sobre a indústria cultural americana, a Times Square, a Broadway, e um encontro dos homens azuizinhos com o Blue Men Group. Entre os atores, estão Jayma Mays, que faz a Emma de Glee, Neil Patrick Harris, que encarna Patrick, publicitário que inesperadamente se vê obrigado a hospedar os Smurfs, Sofia Vergara, como a vilã Odile, Katy Perry dando vida a Smurfete.

Também aproveitando a estreia de Os Smurfs, um ensaio curioso chegou às livrarias da França: Le Petit Livre Bleu, de Antoine Buéno. “A sociedade dos Smurfs é um arquétipo de uma utopia totalitária, à semelhança do stalinismo ou do nazismo”, crava Buéno, reavivando ensaios maniqueístas como o de Ariel Dorfman (do clássico  Como Ler o Pato Donald).

Segundo o livro, Papai Smurf é um sósia de Marx e age como um Stalin patriarcal. Gênio é clone de Trotski. Gargamel é o Satã capitalista. Eles vivem numa sociedade reacionária, falocrata e misógina – a única mulher é a Smurfete, e sua função é apenas usar baby-doll e ser fofa. Há também uma possibilidade de antissemitismo na essência, porque o vilão Gargamel é uma caricatura de judeu avarento.

O livro pegando uma onde bem diferente do desenho fofolete que foi Smurfs e adorei ver o Gargamel em carne e osso

Estou ansiosa para ver o filme, passei minha infancial assistindo Ursinhos Carinhosos, Smurfs e Ducktales, não seria nada mal essa onda oitentinha reviver Ducktales novamente ♥

Segue o trailer:

Anúncios

Obrigado por passar pelo In The Sky.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s